<

Atualizado às 20h10min.


VOLTA REDONDA

O estudante Daniel Fernandes de Castro, 16 anos, fez sua primeira viagem sozinho. Depois de enfrentar seis horas de ônibus, vindo de Campinas, interior de São Paulo, ele participou do Anima Fest Fan, na Ilha São João, em Volta Redonda, que terminou neste domingo, dia 24. “Fiquei sabendo da feira pela internet e não poderia deixar de vir”, afirmou, garantindo que não perde a próxima, “Ano que vem estarei aqui de novo”.

Ele e outras 30 mil pessoas participaram da maior Feira de Cultura Nerd do interior do Estado do Rio. A feira começou na sexta-feira (22). O evento trouxe opções de cultura e lazer, assim como de público. A meta dos organizadores é se torna a quinta maior feira do país. Meta ousada, mas que eles garantem que é possível.

– Começamos em Barra Mansa e vimos para Volta Redonda, embaixo da Biblioteca Municipal, na Vila Santa Cecília. Agora, estamos no Pavilhão da Ilha São João. Isso mostra que estamos crescendo a cada ano”, contou o presidente da Associação de Cultura Nerd (Akai), Maicon Fagundes, idealizador do evento.

Tiveram campeonato de vídeo game, palestras, exibição de cosplay, RPG e muita diversão. Este ano, o evento atraiu turistas de todo estado do Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo, além de Espírito Santos. Um dos diferenciais da feira em comparação com as demais é que a entrada foi gratuita. “Assim, demos a oportunidade a todos de participarem a feira e terem acesso à cultura nerd”, destacou Aline Ribeiro, secretária municipal de Cultura.

– Aproveitei para trazer o meu filho, de 9 anos, apaixonado por games. E também tive a oportunidade de matar saudade de jogar o fliperama. Os jovens de hoje não devem nem imaginar o que é isso – brincou metalúrgico Hélder Freitas, de 40 anos.

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, visitou a feira na tarde desta sexta-feira (22), e falou sobre a importância dela para o fomento da cultura, do desenvolvimento econômico e do turismo. “O festival já é uma atração turística para Volta Redonda, gerando empregos e renda, além de ser mais uma opção de lazer aos nossos jovens”, disse Samuca Silva, que disputou uma partida do Fifa 2018 e venceu por 3 a 2.

(DIVULGAÇÃO)