<
Atualizado às 14h57min.

VOLTA REDONDA
O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva (PSDB) e secretários municipais, em agenda com ministros em Brasília, apresentou projetos ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. A intenção é obter recursos federais para melhorias na cidade. Entre os objetivos apresentados está a instalação de lâmpadas de led em áreas públicas.
– Diante de toda dificuldade financeira que vivemos, essas agendas aqui em Brasília são fundamentais para Volta Redonda. Faço questão de vir pessoalmente e trazer os secretários para explicarmos aos ministros a importância da ajuda do Governo Federal – explicou.
O Diretor Presidente da Empresa de Processamento de Dados, Matheus Cruz, teve a informação que o Ministério de Desenvolvimento Regional homologou o projeto para iluminação pública de Volta Redonda com Lâmpadas de LED.
– É um projeto na ordem de R$ 41 milhões que deve fazer da cidade um exemplo em iluminação pública. A substituição das tradicionais lâmpadas por LED, trará muitos benéficos. Além da própria claridade, muito mais eficiente, melhorará a segurança das pessoas. Sem falar da economia aos cofres públicos, que será gerada a curto e médio prazos – explicou.
O projeto segue agora, para as questões financeiras na Rede Bancária. Ainda em Brasília, o prefeito falou dos mais recentes números divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados no Brasil.
O GAGED, mostrou nesta quarta-feira, 24, que Volta Redonda gerou só em março, 2.660 vagas. Neste ano, já foram 6.806 admissões e com base nos últimos 12 meses, o total de vagas geradas na cidade, foi de 26.029. Com esses números, Volta Redonda continua se destocando positivamente na luta contra o desemprego.
– Temos motivos para comemorar e definir que somos a cidade do emprego. Quando a gente consegue gerar vagas de trabalho através de ações que atraem as empresas, melhoramos a autoestima das pessoas e com isso, melhoramos também a economia do município – finalizou o prefeito. (Foto: Divulgação).