<
Atualizado às 16h49min.

RESENDE
Filipe Robert Sucata, de 26 anos, que morreu depois de ser atropelado por um trem, na tarde de domingo (14), durante um passeio turístico no distrito de Fumaça, em Resende/RJ, no sul do estado do Rio, não teria escutado o barulho do trem por estar com um fone de ouvido, durante uma caminhada pela linha do férrea. A informação foi conseguida com EXCLUSIVIDADE pelo SUL FLUMINENSE ONLINE, com uma fonte do nosso portal. O fato não foi confirmado pela polícia.
O acidente aconteceu na Zona Rural do distrito. O rapaz foi socorrido pelos amigos de caminhada para o Hospital de Emergência de Resende, mas não resistiu e morreu durante uma cirurgia de emergência para controlar uma hemorragia. O maquinista foi identificado e autuado por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.
Filipe morava na Barra da Tijuca, no Rio, e era praticante de paraquedismo. Ele aproveitava o feriado prolongado a passeio com amigos em Resende. (Foto: Redes Sociais).