Atualizado às 18h11min.

VOLTA REDONDA
Subiu para 18 o número de casos positivo para o novo coronavírus, em Volta Redonda, no Sul do Rio. A cidade se torna a terceira do estado com o maior número de casos confirmados para a doença. Atrás da capital e de Niterói em quantidade de casos. Além de estar entre as 20 do país com maior número de casos.
O novo anúncio foi feito pelo prefeito, Samuca Silva (PSC), e o secretário de Saúde, Alfredo Peixoto, durante uma transmissão ao vivo pelas redes sociais, na tarde de quinta-feira (26). Todos os novos casos, segundo o prefeito, estão em isolamento domiciliar. Somente um caso, divulgado na quarta-feira (25), um homem de 76 anos, permanece internado.
Uma das três mortes com suspeita da doença de um idoso, segundo o prefeito, foi descartado para doença. Outras duas estão ainda em investigação.
– Não queria dar está notícia. A situação é urgente e precisamos ter atenção. Precisamos conscientizar os idosos que fiquem em casa. Tem pessoas que podem transmitir sem mesmo ter os sintomas – alertou o prefeito.
Ele ainda ressaltou que “poderia ser pior” caso as medidas de isolamento social não tivessem sido tomadas. Ele ainda deixou escapar que são mais de 180 casos suspeitos da doença. Isso mesmo depois de anunciar que os suspeitos não seriam mais divulgados. “Temos 180 casos aguardando exames que tem demorado para sair”, comentou.
Ele ainda fez uma conta de que o número de casos confirmados na cidade pode gerar, em 30 dias, mais 430 pessoas infectadas. Por isso, segundo ele, a importância de manter o “isolamento social”.
O prefeito reclamou que alguns estabelecimentos, como farmácia e mercados, estariam “descumprindo” os orientações e decretos.

Vacinação H1N1 

O secretário de Saúde, Alfredo Peixoto, lembrou que a partir de sexta-feira (27) terá prosseguimento a campanha de vacinação contra a H1N1 e Influenza, para idosos e profissionais de saúde. Ele esclareceu que idosos acima dos 80, 70 e 60 anos irão ser vacinados em casa. A medida seria para evitar aglomerações em postos de saúde e pontos de vacinação no esquema em drive-thru. 

Dengue Tipo 2 

Volta Redonda, segundo a secretaria de Saúde, teve o primeiro caso registrado de dengue tipo 2 na cidade. O caso foi de um paciente, homem, no bairro Água Limpa. O secretário afirmou que irá ter uma ação concentrada no bairro, no próximo sábado (28) de combate à dengue. Segundo ele, as equipes faram o trabalho de combate na área externa das casas do bairro.

Higienização de Ruas 

O prefeito ainda revelou que vai começar a higienização de ruas e locais públicos da cidade. Inicialmente serão realizadas, a partir da semana que vem, em pontos de ônibus e postos de saúde, onde tem havido trânsito de pessoas. 

Feira Livre 

O prefeito ainda comentou a “insatisfação” dos feirantes quanto a suspensão da feira livre que não ocorre na cidade desde o último domingo. Ele comentou que “está aberto do diálogo”. Mesmo que no primeiro dia de restrição, quando ele liberou barracas de alimentos na feira do Aterrado, e “não deu certo”. 
– Melhor perder tudo do que perder a vida. Tudo vai voltar ao normal, mas vai ser gradativamente. A restrição para idosos deve continuar por um bom tempo – frisou o prefeito na transmissão.
Foto: Arquivo -SFO.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).