Atualizado às 16h57min.


VOLTA REDONDA

O projeto “Papo Reto” foi lançado na manhã desta sexta-feira (23), no Colégio Getúlio Vargas, no bairro Laranjal, em Volta Redonda-RJ. O programa consiste em um bate-papo do prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva (PODEMOS), com estudantes da rede de Educação da cidade. A iniciativa foi promessa de campanha de Samuca, que garantiu que teria um diálogo mais próximo com a juventude da cidade. Principalmente, os estudantes da rede municipal de ensino.

No encontro, que reuniu 120 estudantes dos três anos do Ensino Médio, os jovens puderam tirar as dúvidas e curiosidades. Além de sugerir melhorias e projetos a serem implantados na cidade. “Vamos percorrer todas as escolas da cidade. E começamos aqui no Getúlio Vargas, onde estudei por mais de 10 anos e hoje estou prefeito. Vamos percorrer todas as escolas da cidade com o projeto”, afirmou Samuca.

Alan Patrick Nunes, 17 anos, do 3º ano, foi primeiro a perguntar e questionou sobre a estrutura das escolas. Samuca Silva respondeu que depende de verbas dos governos Federal e Estadual para a estruturação das 103 escolas municipais.

– Nossa principal meta é incentivar os professores. Essa é minha maior preocupação. Nossos professores estão desvalorizados. Estamos estudando todos os projetos judiciais para valorizar a categoria – garantiu o prefeito.

(EVANDRO FREITAS)

Tales da Silva, 14 anos, do 1ª ano, perguntou sobre a geração de emprego e renda em Volta Redonda voltados aos jovens. Samuca disse que uma das prioridades é a geração de emprego. Ele citou que três mil empregos com a inauguração do Shopping Park Sul, que começará a funcionar na cidade em outubro.

– É aquele primeiro emprego que os jovens necessitam entrar no mercado de trabalho. Estamos negociando também com duas empresas de call center, que podem gerar milhares de emprego na cidade – disse o prefeito.

Foram perguntados ainda sobre segurança pública, Escritório Central da CSN, manutenção de asfalto, investimento do Saae-VR e incentivo ao ensino superior da cidade. No final do encontro, fizeram a apresentação de “Batalha de Conhecimento”, com roda de rima.