<

 Atualizado às 18h30min.


VOLTA REDONDA

A prefeitura de Volta Redonda (PMVR) anunciou nessa terça-feira (27) que vai reabrir, por conta própria, o Restaurante Popular no segundo semestre do ano. O objetivo é voltar a servir 1,5 mil almoços e 600 cafés da manhã.

Orçado em cerca de R$ 100 mil, através da secretaria municipal Ação Comunitária, o governo municipal prometo iniciar uma reforma geral no restaurante ainda em abril. O processo licitatório para a contratação da empresa que irá operar a unidade já está sendo preparada e deve ser lançado ainda em abril. Segundo a prefeitura, nesta quarta-feira (28), uma equipe da Smac estará na sede do Corpo de Bombeiros, no Rio de Janeiro, para apresentar o projeto do novo Restaurante Popular.

O Restaurante Popular foi criado pelo Governo Estado e municipalizado em dezembro de 2016, através de projeto de lei, de autoria do vereador Washington Granato, aprovado pela Câmara de Vereadores.

O prefeito Samuca Silva (PODEMOS) destacou que o local precisa de adequações na estrutura. “Vamos levar o projeto para aprovação do Corpo de Bombeiros, o que não havia antigamente. Esse é um serviço muito importante para Volta Redonda e a população, principalmente em um momento de crise financeira. Vamos levar alimentação de qualidade com preço acessível”, garantiu Samuca.

O secretário de Ação Comunitária e vice-prefeito, Maycon Abrantes, ressaltou que o retorno do Restaurante Popular será um ganho para a população. “A gente sabe a importância de resgatar esse serviço para a população. Por isso vamos levar alimentação de qualidade e saudável para os moradores de Volta Redonda”, prometeu Maycon Abrantes.