Rua Cheias do Comércio
<
VOLTA REDONDA

Atualizado às 21h.
O prefeito Antonio Francisco Neto (DEM) Acabou cedendo ao pedido dos empresários e ampliou o horário do comércio na maior cidade do Sul do Rio. Agora o setor poderá ficar aberto 2 horas a mais que no decreto anterior. O decreto foi publicado depois de uma reunião com a classe, na tarde de segunda-feira (3).
O novo horário, a partir dessa terça-feira (4), poderá abrir das 9h às 19h. Sábados das 9h às 13h. O decreto também estende o horário de funcionamento dos shoppings centers, de 9 às 22h. Lojas dos centros comerciais estão autorizadas a atender o público de 9 às 19h.
Todos deverão observar os devidos protocolos de segurança e distanciamento social, em especial nas áreas de alimentação e quanto a permanência de pessoas nos balcões.
Mamãe, eu quero!
A Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e o prefeito conversaram e pediram o retorno do horário normal na semana que antecede o Dia da Mães. O momento, apelidado por alguns comerciantes, de “quem não chora não mama”, não surtiu o efeito esperado, mas já algo melhor do que estava.
A justificativa, era de que é a melhor data do primeiro semestre do ano em vendas. Não apenas para o comércio, mas também para os comerciários que recebem comissão e aproveitam a data para conseguir um salário melhor.
Nada foi dito no decreto sobre salões, oficinas, clínicas e demais setores. Portanto, permanece como no decreto anterior.
Mortes Não Param
Na outra ponta, as mortes por Covid-19 não param. A secretaria dessaúde anunciou mais cinco mortes. Agora o total divulgado pela cidade é de 752 mortes pela doença. Porém, o painel de monitoramento do governo do estado, a cidade tem 796 vítimas pelo coronavírus.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Deixe seu nome aqui

dezesseis − quinze =