Atualizado às 20h53min.

VOLTA REDONDA
A Prefeitura de Resende, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realizará no sábado (29), mais uma edição do Mutirão de Exames Preventivos na cidade. Mais 15 unidades promoverão o mutirão, que é desenvolvido quinzenalmente com o objetivo de proporcionar às mulheres uma oportunidade de se atentarem aos riscos de problemas de saúde. Os exames serão oferecidos das 8h às 16h.
As unidades que oferecem os exames nesta etapa da campanha serão: Posto do Estado, PSF Cabral Alambari, PSF Morro do Cruzeiro, PSF Cabral, PSF Barra I, PSF Barra II, PSF Morada da Barra, Posto Manejo, Clínica da Família, UBS Cidade Alegria, PSF Cidade Alegria, PSF Nova Alegria, PSF Primavera, PSF Liberdade, PSF Itapuca.
A campanha iniciada em março deste ano já beneficiou, até o momento, mais de 3 mil mulheres, segundo a prefeitura. De acordo com o secretário Municipal de Saúde, Alexandre Vieira, a campanha foi desenvolvida especialmente para quem trabalha durante a semana e, por isso, acaba adiando os exames médicos.
– Há muitas mulheres que levam uma rotina cansativa de trabalho durante a semana e não conseguem um tempo para realizar exames tão importante quanto os preventivos. Desta forma, uma alternativa que está dando muito certo é organizar quinzenalmente os mutirões em variados postos de saúde. É essencial estar atento aos riscos de câncer de colo de útero e de mama – explicou o secretário.
O público-alvo da campanha são mulheres com a faixa etária de 25 a 64 anos. O procedimento envolve uma série de exames que são fundamentais para um diagnóstico precoce de doenças que podem evoluir e causar maiores danos à saúde.
– O papanicolau é um teste de rotina feminino baseado em uma análise citopatológica, que serve para detectar o câncer de colo do útero, entre outras doenças. Também será feito o exame físico das mamas. Já a mamografia é recomendada para mulheres a partir de 50 anos de idade, após o rastreamento. Lembrando que, se houver indicação médica, a mamografia é realizada em qualquer idade – conclui Alexandre.

 


Comentários via Redes Sociais ou no portal:

(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).