Atualizado às 08h41min.

VOLTA REDONDA
Para entender melhor o que leva os volta-redondenses às compras, onde compram e quais produtos consomem, a Aciap-VR (Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Volta Redonda) em parceira com o Sebrae-RJ (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), encomendaram uma pesquisa sobre o comportamento e o perfil destes consumidores. O objetivo foi gerar indicadores para orientar os empreendedores para melhor direcionar os investimentos tanto em divulgação quanto em negócios.
De acordo com o presidente da Aciap-VR, Luis Fernando Cardoso, a pesquisa é muito ampla e define os hábitos do consumidor moderno, divididos em faixa etária, faixa salarial e classe social, de forma que um potencial empreendedor ou aquele já tem negócios na cidade possa melhor aplicar os recursos e obter mais resultados nas vendas ou nos investimentos.
A pesquisa foi realizada pela empresa Orbital Pesquisas de Opinião e Mercado, no período de 20 a 23 de fevereiro, nos principais centros comercias da cidade, Vila Santa Cecília, Amaral Peixoto, Retiro e Aterrado. Ao todo foram entrevistadas 400 pessoas.  A margem de erro é de 05% e o nível de confiança 95%.
O resultado identificou o comportamento de compra dos consumidores volta-redondenses em 14 segmentos de varejo selecionados para o estudo, que são: Produtos alimentícios/compras de supermercados, alimentos e produtos para animais,  automóveis/motos, brinquedos/produtos infantis, eletrodomésticos, eletrônicos/telefonia, higiene pessoal/cosméticos/perfumaria, livros, material de construção, material escolar,  móveis/objetos para casa, medicamentos, vestuário/calçados/acessórios e viagens (pacotes, hospedagens, passagens).
 – Os entrevistados responderam questões sobre a freqüência, o local de compra e as formas de pagamentos de cada um desses 14 segmentos e os resultados são surpreendentes. Por exemplo, um dado apontado que me chamou a atenção foi o crescimento do mercado pet. A pesquisa mostra que mais de 50 % dos domicílios de Volta Redonda têm algum animal de estimação, o que representa uma média de dois animais para cada três habitantes da cidade. Um número surpreendente, que revela um mercado potencial para quem quer investir nesta área.
A pesquisa veio ainda reafirmar o potencial dos nossos centros comerciais que são muito procurados pela população e é referência na Região Sul Fluminense por sua diversificação e qualidade dos produtos.
  – A pesquisa é uma ferramenta que disponibilizaremos para o mercado, atendendo alguns critérios. Os sócios da Aciap terão vantagens referente ao acesso e uma consultoria específica para assessorá-los com todas as informações. Lembrando que a pesquisa é direcionada para quem já tem negócios na cidade e para os potenciais investidores. – Finalizou Luiz Fernando, acrescentando que a pesquisa também será divulgada na mídia de forma aberta os assuntos que são de interesse geral da população. (Foto: Arquivo).