Park Sul terá ponto de votação do projeto Heróis da Educação no fim de semana
<
Foto: Divulgação.
VOLTA REDONDA

Atualizado às 07h59min.
O shopping Park Sul, em Volta Redonda, terá nesse fim de semana um stand de votação do projeto Heróis da Educação. A iniciativa do Projeto de Lei é da universidade UniCesumar com sede em Maringá/PR e polo na cidade. A ideia é criar a primeira Lei nacional de combate à violência contra os professores. A parceria do shopping com o polo visa mobilizar o maior número de pessoas para que todos participem da votação online.
Serão quatro dias de votação: de sexta (9) a segunda (12). Visitantes, lojistas e consumidores poderão participar da votação, que dura menos de dois minutos. O local de votação ficará na Praça Central, próximo à loja Riachuelo.
O coordenador de Marketing do Park Sul, Rodrigo Mattos, aprova a iniciativa é frisou que o shopping não poderia ficar de fora de um assunto tão importante.  O local foi disponibilizado gratuitamente para o projeto. “Estamos felizes de participar e contribuir para uma iniciativa tão necessária e importante para o nosso país. Esperamos que muitos participem e que possamos colaborar muito com a causa que é nobre em defesa dos nossos educadores”, frisou Rodrigo.
O Brasil é o número um no mundo em registro de violência contra Educadores. Um em cada dois profissionais, em média, já sofreram algum tipo de violência nas escolas. Segundo o Sindicato de Professores de São Paulo, as agressões se classificam em 48% verbais, assédio moral 20%, bullying 16%, furto e roubo 8% e física 5%. Muitos acabam desistindo de ensinar por medo. Além de serem atingidos por doenças como transtorno e stress. O Projeto de Lei de iniciativa popular precisa de 1,5 milhão de assinaturas para chegar com força na Câmara dos Deputados, em Brasília/DF.
O projeto “Heróis da Educação” visa criar um Plano Nacional de Prevenção e Combate à Violência Escolar, com o foco na agressão contra professores, foi desenvolvido por dois juristas mestres da UniCesumar. Porém, as medidas beneficiam todos os trabalhadores de uma escola, creche, cursinho ou universidade.
O projeto será o único no Brasil estruturado como um plano nacional e com possibilidade de desdobramento a nível estadual e municipal.  Para a gestora do polo de Volta Redonda, Josiane Lopes, explica que parcerias como essa são fundamentais para que o projeto receba o maior número de assinaturas. “Estamos muito felizes com a essa parceria com o Park Sul, que vai ser muito importante para a criação de leis que protejam nossos educadores. Casos de violência acontecem o tempo todo. Por isso precisamos nos movimentar e fazer a diferença. Com essa lei aprovada poderemos sugerir a criação de um órgão que ampare os profissionais de educação em situação de violência”, explicou Josiane.
Quem estiver pelo Park Sul do fim de semana procure o stand, próximo da Riachuelo, e vote. Quem quiser, de casa ou pelo celular, pode participar. Basta entrar no portal www.heroisdaeducacao.com.br e clicar em “Quero Assinar”. Qualquer pessoa no mundo pode contribuir com o avanço dessa proposta para o país. Basta preencher o nome completo, e-mail, CPF, a cidade e um número de telefone. Acesse e vote.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).