Foto: Divulgação.
VOLTA REDONDA

Atualizado às 17h15min
Um outro pedido de registro de candidatura do PT ao cargo de prefeito, apresentado à Justiça Eleitoral por Carlos Alexandre Honorato, surpreendeu a candidata do partido à prefeitura, Cida Diogo, neste fim de semana: o nome de Cerezo. Cerezo aparece na lista de candidaturas a prefeito pelo PT na cidade, na página do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), como Cerezo 88 e o mesmo nome da coligação (“A Esperança de Volta”).
“Descobri isso neste sábado (26). Estamos verificando o que aconteceu. Não sabemos por que ele fez isso”, disse Cida a um jornalista, na manhã deste domingo (27). Segundo o que o PT já apurou, Cerezo não teria apresentado nenhuma das certidões exigidas pela Justiça Eleitoral ao encaminhar o pedido, exceto uma cópia da ata da convenção petista, que homologou o nome dela como candidata a prefeita. “Eu sou a candidata. Já recebi o CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) e abri a conta bancária”, frisou.
Cida admitiu desconhecer que Cerezo – que já foi diretor do Sindicato dos Metalúrgicos – ainda fosse filiado ao Partido dos Trabalhadores, uma vez que ele, há algum tempo, passou a se dedicar ao PCO (Partido da Causa Operária). “Mas ele está filiado ao PT ainda”, afirmou.
O advogado do partido, Ademir Cecílio de Oliveira, confirmou que serão tomadas providências, civil e criminalmente, em relação ao filiado Cerezo. “O que ele quis foi tumultuar o processo eleitoral, inserindo dados falsos no sistema eletrônico de dados da Justiça Eleitoral”. E acrescentou: “Ninguém vai levá-lo a sério, pois, como de costume, suas atitudes beiram o ridículo, a fanfarronice, ele deve ser responsabilizado por brincar com coisa muito séria, como o sistema da Justiça Eleitoral”.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).