Ocupação de leitos em VR volta a subir e preocupa comerciantes

Taxa ficou mais perto dos 50% e pode fechar o comércio se ultrapassar meta.

0
989
Leitos esgotando para Covid-19 em Volta Redonda
<
Foto: Arquivo - SFO.
VOLTA REDONDA

Atualizado às 10h29min. 
A prefeitura de Volta Redonda divulgou na terça-feira (21) que o índice de ocupação dos leitos de UTI, por conta do Covid-19, voltou a subir na cidade. O Hospital de Campanha está com 11% de ocupação. Apesar disso, o número de leitos na rede chegou a 44%.
O número preocupa os comerciantes que se veem em uma “gangorra” entre abrir e fechar as atividades não essenciais. Tudo por causa de um acordo da prefeitura com o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), firmado na Justiça, que a ocupação de leitos não pode passar de 50%. No entanto, caso isso aconteça, extrapolar o acordo, o comércio deverá fechar por uma semana.
As mortes por Covid-19 se mantiveram em 108. Os casos confirmados estão em 2.824, dos quais 1.943 são considerados curados. O prefeito Samuca Silva (PSC) voltou a pedir que o público de risco fique em casa. Além disso, apelou para que as pessoas evitem aglomerações e usem máscara de proteção.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).