Ex-prefeito Antônio Francisco Neto
Foto: Arquivo.
<
VOLTA REDONDA

Atualizado às 14h34min.
O prefeito Antônio Francisco Neto (DEM) anunciou um pacote de medidas para tentar reverter a crise financeira em Volta Redonda, apontada pelo político como “delicada”. São ao menos 38 ações que vão ajudar a socorrer os cofres municipais, tendo como objetivo principal quitar os salários deixados em aberto no final do ano passado. Ao assumir, Neto encontrou metade dos vencimentos de novembro, dezembro e o décimo terceiro sem serem pagos por Samuca.
– É inacreditável o que aconteceu com Volta Redonda nestes quatro anos, mas a população nos elegeu para trabalhar e dar solução para os problemas. Por isso o povo nos elegeu. Para uma primeira semana de governo posso dizer que essa equipe já fez foi muito, sabendo que ainda há muito para fazer – disse Neto, ressaltando que as medidas serão anunciadas em breve.
O pacote foi criado por uma equipe especialista em economia pública. Eles estão auxiliando o prefeito na missão de tirar Volta Redonda da lacuna financeira em que entrou. Entre as decisões, será editado um decreto para promover redução das despesas de custeio na ordem de 40% sobre a média dos últimos três anos.
Além disso, serão suspensos imediatamente eventuais contratos de prestação de serviços de publicidade institucional, ressalvada a divulgação de atos oficiais e situações emergenciais, previstas em lei. Neto afirmou que vai abortar obras e demais investimentos em processo licitatório cuja cobertura financeira ocorra exclusivamente com recursos próprios do tesouro municipal.
Outra medida será promover a análise dos contratos de parcelamento de débito da administração direta e indireta com órgãos do governo federal, visando nova constituição. O governo vai apurar a situação fiscal dos 30 maiores contribuintes de ISS com vistas a estabelecer planejamento fiscal. Haverá ainda uma apresentação da situação fiscal ao Tribunal de Justiça, visando revisar o percentual do orçamento a ser dedicado ao pagamento de precatórios.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Deixe seu nome aqui

cinco × cinco =