Delegacia de Vassouras
Foto: Arquivo.
<
VASSOURAS

Atualizado às 11h55min.
Uma jovem, de 24 anos, é mais uma vítima de feminicídio no Sul do Rio. Ela foi morta a tiros na noite de segunda-feira (12), em Vassouras. O autor dos disparos seria o marido da melhor amiga da vítima. Segundo a polícia, o suspeito culpava a vítima pelo termino do relacionamento dele, ocorrido há poucos dias.
O corpo da vítima foi encontrado na madrugada de terça-feira (13) e o suspeito está sendo procurado pela polícia. Apesar disso, o crime só foi descoberto tão rápido, porque a Polícia Militar descobriu o esquema que o suspeito armou para tentar encobrir a morte da ex.
Os policiais pararam um Corolla que fazia transporte por aplicato e desconfiou do nervosismo do motorista e da mulher que seguia no carro. Eles foram parados nao BR-393 (Rodovia Lúcio Meira), na altura do bairro Grecco. O condutor, de 54 anos, e a mulher de 26 estavam no carro. A passageira é ex-companheira do suspeito.
O parabrisa do carro estava quebrado e revelaram todo esquema do crime ao serem perguntados. Ela contou que o ex-marido chamou o carro do aplicativo e, depois de apontar uma arma para a cabeça do motorista, mandou que ele seguisse para o endereço da vítima, na Rua Salvador Mandaro Filho, também no bairro Grecco, onde a vítima teria sido obrigada a entrar no carro.
Ainda segundo o relato da mulher, a jovem foi baleada dentro do veículo, morrendo na hora. Em seguida, o homem teria ordenado ao motorista de aplicativo que seguisse para a RJ-121, onde o corpo deixado no Morro da Vaca. Em seguida, ele teria exigido que fosse deixado no bairro Belvedere, no trevo de entrada de Barra do Piraí.
O corpo da vítima foi encontrado depois da abordagem ao carro de aplicativo e foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade. O motorista e a mulher foram conduzidos a delegacia (95ª DP) para prestarem depoimento sobre o crime. O suspeito ainda não foi preso. ele segue sendo procurado.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).