Câmara de Volta Redonda homenageia o Dia da Conscientização do Autismo
Foto: Arquivo.
VOLTA REDONDA

Atualizado às 21h18min.
Em tempos de Big Brother Brasil não se pode achar que vai cometer um crime sem que uma câmera esteja apontada. Ficar impune, foi o que um tarado pensou ao atacar uma mulher no bairro Aterrado, em Volta Redonda, no Sul do Rio. Doce engano, pois as câmeras de segurança da sede do Poder Legislativo flagraram o ataque do safado a uma mulher, na noite do último dia 8 de janeiro. O local é usado como passagem para pedestres e fica aberto durante a noite.
O ataque do homem aconteceu às 02h55 da madrugada. Nas imagens ele se posiciona perto do portão e agarra a mulher assim que ela passa. Ele puxa a vítima para a área interna e os dois entram em luta corporal. A vítima consegue se livrar das mãos do tarado e consegue fugir.
O presidente da Câmara, Sidney Dinho (Patriotas), com as imagens, enviou um ofício ao delegado titular da 93ª DP pedindo que uma investigação seja aberta para indiciar o agressor. A vítima foi identificada e deve depor contra o suspeito assim que a polícia encontrar.
– É inaceitável uma atitude como esta. Vamos contribuir no que for possível para identificar este elemento e pedimos a Polícia Civil que consiga o identificar e responsabilizar ele. Não compactuamos, de forma alguma, com qualquer atentado contra vida, em especial de mulheres, constantes vítimas de violência e necessitam de uma atenção especial. Estou muito esperançoso de que a sociedade ajude a polícia a identificar este elemento, usando o Disque-Denúncia. A sociedade de bem não pode ser limitada de seus direitos por conta de ações criminosas – lamentou Dinho com esperança de encontrar o culpado.
Veja o vídeo, cedida pela Câmara, que mostra o momento do ataque do homem.


Comentários via Redes Sociais ou no portal:  
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).