Mini-Motoboy Matheus ganha festa com colegas e apoio da PM
Fotos: Evandro Freitas.
VOLTA REDONDA

Atualizado às 16h34min.
Toda criança adora festa de aniversário. Porém, festa igual a do Matheus Luiz Verresqui Pinheiro, de 4 anos, ele nunca mais vai esquecer. Isso depois que uma foto dele viralizou na internet vestido de motoboy, de mochila e tudo. O pai, Gilmar Verresqui, é dono de uma pizzaria delivery, no bairro Vila Rica/Tiradentes, em Volta Redonda, no Sul do Rio. A paixão pelos amigos nas duas rodas começou, quando o menino admirava as chegadas e saída de cada pedido.
– Essa admiração do meu filho criou e é coisa dele. Tomou essa proporção toda que a gente nem esperava. O melhor é poder comemorar e ainda homenagear essa classe de profissionais que merece – afirmou o pai.
A mãe, Juliana Pinheiro, revelou que a princípio a escolha do tema para festa era outra. Depois Matheus quis mudar e ela foi quem elaborou toda decoração. “Ele quis que fosse assim e a gente embarcou junto para fazer à vontade dele. Fico muito feliz e não foi nada forçado. Nem esperávamos tanta gente vindo aqui parabenizar ele”, comentou a mãe emocionada.

Pais comemoram repercussão positiva para os motoboys

A rua em frente o comércio da família ficou lotada com mais de 70 motoboys que foram parabenizar o menino. Um dos motoboys pediu um pouco de “respeito” para quem descrimina os profissionais. “Muitos vê a gente como baderneiro, imprudente e é um serviço fundamental na cidade. Nossa profissão que leva remédio, comida e outras coisas. Temos família como a do Matheus”, desabafou um motoboy que não se identificou.
Com o filho no colo, outro motoboy, Jonas Gonçalves Júnior, lembra que na pandemia nenhum profissional deixou de atender. “Muito gratificante ver uma criança que gosta da nossa profissão e vê o que a gente faz é importante. Não paramos nenhum minuto. Meu filho também vai ser profissional e isso faz valer a pena todo esforço”, ressaltou.
Duas equipes do 28º Batalhão da Polícia Militar deram apoio no trânsito e para segurança do local. Estivaram no apoio os 2º sargentos Altemar e Marcelo, do PPC-01, e da ¨viatura do setor Delta, dos 2ª sargentos Laurindo e A. Souza. No final, o tradicional “parabéns”, com direito a bolo e refrigerante. Sem aglomeração e respeitando a lei. Inclusive do trânsito.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).