Atualizado às 18h57min.

VOLTA REDONDA
Não é de hoje que existem duas facções criminosas rivais atuando no conjunto de bairros do Santo Agostinho, em Volta Redonda, no Sul do Rio. A constatação não é desse jornalista, mas sim da polícia e das forças de segurança pública da cidade. Uma atua na parte alta, onde aconteceu o crime. Outra tem pontos de venda de drogas na parte baixa.
No fim da noite de terça-feira (10) Rafael Rufino do Nascimento, de 22 anos, é a vítima morta a tiros. A morte dele pode ter sido motiva por uma dívida ou pela disputa por pontos de venda de drogas no bairro.
Pelézinho, como era conhecida a vítima, teria envolvimento com o tráfico. A informação ainda não foi confirmada pela polícia. Ele levou vários tiros, na Rua Castelo, perto de um bar, no Morro da Conquista, no bairro Santo Agostinho. Ele foi alvejado no meio da rua.
Moradores ouviram vários tiros e depois encontraram o corpo na rua. A polícia foi chamada e guardou o local até a perícia chegar e liberar o corpo para o IML. A localidade é alvo de constantes operações contra o tráfico, prisões e apreensões. O homicídio será investigado pelos agentes da 93ª DP.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:

(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).