Atualizado às 17h39min.

VOLTA REDONDA
As forças de segurança se reuniram na quarta-feira (13) e definiram que vão atuar em conjunto para combater homicídios e roubos de carros em Volta Redonda, no Sul do Rio. A reunião aconteceu na 5ª Risp (Região Integrada de Segurança Pública), no bairro Vila Mury. O encontro contou com a presença de representantes da polícia Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal e Guarda Municipal de Volta Redonda (GMVR).
O coronel Cleber Maia, comandante do 5º CPA (Comando de Policiamento de Área) responsável pela coordenação de quatro batalhões da região. Ele comentou as primeiras ações tem o foco no bairro Santo Agostinho, no Morro da Conquista, onde acontecem constantes prisões, apreensões do tráfico e mortes.
– Mandados de prisão foram expedidos e vamos atrás dos acusados que estão atuando no crime nesses bairros – ressaltou o coronel. O comandante lembrou que o trabalho, denominado “Força Tarefa”, de forma ostensiva, a partir desta quinta-feira (14).
Maia afirmou que a maioria dos assassinatos ocorridos no Santo Agostinho “têm como autores pessoas que moram no próprio bairro”. Ainda terão ações voltadas para apreensão de veículos irregulares.
A reunião teve a presença do comandante do 28º Batalhão da PM, Luciana Rodrigues; do delegado Clei Biaggio Catão, que assumiu recentemente a 5ª DPA (Divisão de Polícia de Área), da Polícia Civil; o delegado-titular de Volta Redonda, Franquis Dias Nepomuceno; o delegado de Polícia Federal em Volta Redonda, Pedro Paulo Simão da Rocha; o comandante da GMVR, Paulo Dalboni, e o inspetor Barroso, da Polícia Rodoviária Federal.