Atualizado às 15h22min.

VOLTA REDONDA
A família da estudante de medicina de Volta Redonda, Carolayne Sousa Elizário, de 22 anos, conseguiu a meta de R$ 20 mil para trazer o corpo da universitária para o Brasil. Ela morreu na última quarta-feira (26) no hospital de Rosário, cidade argentina em que ela estudava.
O corpo embarca para o Brasil nessa sexta-feira (28). A previsão é de que o transporte, que vai vir por terra, chega a Volta Redonda, na segunda (2). Ela deve ser velada na Capela Mortuária do Aterrado.
– Gostaria de agradecer a todos em nome da minha família pela ajuda. Tanto pelos compartilhamentos, palavras de carinho e doações em dinheiro – comentou um parente da jovem.
Os pais de Carolayne estão na Argentina desde a última quarta-feira, quando foi constatada a morte da jovem. Eles foram graças a ajuda de uma igreja. Eles voltam com a mesma ajuda da igreja da Vila Mury.
Foto: Redes Sociais.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).