Mulher foi salva quando pretendia se jogar da ponte
<
VOLTA REDONDA

Atualizado às 20h23min.
Uma nova ação de uma dupla de policiais militares salvou a vida de uma pessoa em Volta Redonda, no Sul do Rio. Os sargentos Rangel e Keeler, desta vez, avistaram uma mulher que pretendia se jogar da Ponte Pequetito Amorim, que liga os bairros Niterói e Aterrado. A mulher, que revelou que faz uso de medicamentos para transtornos psicológicos.
A equipe do Samu formada por outra dupla, Lívia Rezende e Evandro Lopes, disse que senhora atendida tinha sinais de embriaguez que pode ter desencadeado o surto e a tentativa de jogar da ponte no Rio paraíba do Sul. Ao ver que a mulher estava no parapeito da ponte, um dos agentes a segurou e impediu o salto.
Os dois policiais já protagonizaram outros salvamentos do tipo. Como o de um bebê recém-nascido que se engasgou com o leite materno durante um episódio de refluxo. O caso aconteceu na Vila Santa Cecília, quando a avó do menino de 14 dias de vida, desesperada, pedia por socorro no Centro da cidade. Ele ficou sem respirar por alguns minutos e graças a Manobra de Heimlich o menino voltou a respirar.
A mulher salva de pular foi medicada e levada para o Pronto Socorro do bairro Aterrado. O marido dela foi conduzido à delegacia (93ª DP) para prestar depoimento. Felizmente, mais um final feliz.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).