EXCLUSIVO


Atualizado às 19h36min.

VOLTA REDONDA
Um morador de Volta Redonda viveu momentos de terror nas mãos de dois bandidos na noite de terça-feira (1). Ele foi vítima de um sequestro relâmpago, no bairro São Geraldo, bem perto do Centro da cidade. Dois homens rederam ele no meio da rua, quando ele saía de carro. Um deles estava armado e entraram no carro. Ele foi obrigado a seguir sentido a Via Dutra sob ameaças de morte.
A vítima conversou, com EXCLUSIVIDADE, com o SUL FLUMINENSE ONLINE, e contou os momentos de terror vividos com uma arma apontada para cabeça. “Foi muito rápido. Me fizeram ir sentido a Via Dutra e me deixaram na saída da cidade. Levaram meu celular, documentos e pertences pessoais que estavam dentro do veículo”, contou a vítima. Ele ainda contou que para disfarçar estavam de boné e óculos escuros.
O carro foi usado para assaltar casas em Barra Mansa. Em um dos roubos, os bandidos levaram três televisores e vários pertences de uma família. A Polícia Militar colocou a placa do veículo no sistema de Barra Mansa para tentar pegar os assaltantes. Os bandidos podem ser os mesmo que estariam realizando assaltos pela região contra residências e pedestres. Ele ainda teria, segundo a polícia, roubado um posto de gasolina, no bairro Boa Sorte.
O registro na delegacia de Volta Redonda demorou para constar no sistema quase três dias para aparecer. O atraso atrapalhou, segundo a vítima, identificar que o carro usado nos crimes era roubado. “Graças aos agentes da delegacia de Barra Mansa eu consegui ter meu carro de volta”. Porém, achei muito frágil a demora em constar no sistema da polícia”, ressaltou.
O carro foi encontrado, abandonado, na tarde de quinta-feira (3), perto da Dutra, na altura do bairro Vila Principal, em Barra Mansa. A vítima foi até a delegacia de Barra Mansa (90ª DP) para recuperar o veículo. A polícia agora vai investigar imagens de câmeras de segurança do posto de gasolina para tentar identificar os bandidos.
Foto: Divulgação/PMERJ.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:

(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Deixe seu nome aqui