<
Atualizado às 00h44min.

RESENDE
Renan Casemiro, de 28 anos, foi morto a tiros na noite de quinta-feira (21) e havia acabado de sair da cadeia. Ele cumpriu pena por tráfico de drogas e segundo informações colhidas por quem esteve no local do crime, Renan usava tornozeleira eletrônica, por liberdade provisória.
A morte foi no bairro Liberdade, em Resende, no Sul do Rio. Segundo testemunhas, um carro teria passado atirando e o rapaz foi atingido e morreu na hora. Ainda não se sabe qual seria a motivação para o crime. O corpo ainda passaria por perícia durante a noite e aguardava remoção em seguida, para o Instituo Médico Legal de Resende (IML).
Esse foi o segundo homicídio a tiros ocorrido no dia na cidade. Pela manhã, Wagner dos Santos, de 24 anos, esperava um ônibus no ponto, quando dois homens armados passaram em uma bicicleta e atiraram. O rapaz foi atingido na cabeça e morreu a poucos metros do ponto de ônibus. A polícia investiga os dois casos. A morte foi registrada na 89ª DP. (Foto: Redes Sociais).