Atualizado às 15h01min.

VOLTA REDONDA
O Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) de Volta Redonda, no Sul do Rio, será uma das unidades que estuda como será o critério de liberação para cerca de 70 menores infratores. A liberação será em atendimento a decisão do ministro do Supremo, Edson Fachin, que visa evitar a superlotação das unidades de internação.
 
O Juizado da Infância e Juventude foi comunicado da decisão oficialmente e está junto com a direção do Degase estudando uma forma de fazer a liberação dos menores. A princípio, o critério deve ser àqueles que cumprem medidas de menor potencial ofensivo.
 
Hoje, o Degase de Volta Redonda, tem capacidade para 90 internos, mas tem 180. Com a medida, certa de 70 menores podem deixar a unidade, para cumprir medida domiciliar. Em nota, o órgão afirmou que fará as liberações mediante as decisões judiciais. Ainda com a presença dos responsáveis legais que assinarão o termo de entrega. Ainda não existe data que devem iniciar as liberações. (Foto: Reprodução).

 

 


Comentários via Redes Sociais ou no portal:

(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Deixe seu nome aqui