Combustíveis Economia
Foto: Reprodução.
<
NACIONAL

Atualizado às 10h53min.
A Petrobras anunciou na segunda-feira (1º) mais um aumento nos preços da gasolina, do óleo diesel e do gás de botijão vendidos nas refinarias. A partir de terça-feira (2), a gasolina ficará 4,8% mais cara, ou seja, R$ 0,12 por litro. Agora o combustível será vendido às distribuidoras por R$ 2,60 por litro. Esse é o quinto aumento em dois meses.
O óleo diesel terá um aumento de 5%. A porcentagem do aumento representa R$ 0,13 por litro. Com o reajuste, o preço para as distribuidoras passará a ser de R$ 2,71 por litro. Aqui na Região Sul do Estado do Rio, em alguns postos a gasolina já havia passado dos R$ 6 por litro. Outros estavam bem próximo da sexta dezena e agora devem ultrapassar com a alta.
Por outro lado, o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficará 5,2% mais caro. O preço para as distribuidoras será de R$ 3,05 por quilo (R$ 0,15 mais caro), ou seja R$ 36,69 por 13 kg (ou R$ 1,90 mais caro).
Segundo a Petrobras, os preços são baseados no valor do produto no mercado internacional e na taxa de câmbio.
– Importante ressaltar também que os valores praticados nas refinarias pela Petrobras são diferentes dos percebidos pelo consumidor final no varejo. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis pelas distribuidoras, no caso da gasolina e do diesel, além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores de combustíveis – destaca nota divulgada pela empresa.

Comentários via Redes Sociais ou no portal:
(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).