Atualizado às 11h17min.

RESENDE
Uma ação semelhante a uma emboscada foi registrada pelas câmeras de segurança do posto de combustíveis, no tiroteio que terminou com a morte do 2º sargento da PM, Alexandre Balbino Silva, de 44 anos, lotado no 37º Batalhão de Polícia Militar (Resende). As imagens mostram os bandidos chegando em um Honda Civic e atirando várias vezes contra o carro do policial.
As imagens não mostram se eles já haviam roubado o posto ou praticaram o assalto após atingir o PM. Três suspeitos atiraram contra o PM. Um dos bandidos não aparece nas imagens estava ao volante. O militar chegou a ser levado para um hospital particular da cidade, mas não resistiu. O crime foi na madrugada de quarta-feira (18), em um posto de combustíveis às margens da Rodovia Presidente Dutra, no km 305, no bairro Paraíso.
Os bandidos estavam encapuzados e chegaram ao posto por volta das 01h36 da manhã. Eles fugiram levando a arma do policial. Eles incendiaram o carro, com placa de Pouso Alegre/MG, no bairro Fazenda da Barra III, vizinho ao bairro onde aconteceu o crime. O sargento chegou a trocar tiros com os bandidos.
O comando do batalhão emitiu um comunicado à imprensa lamentando a morte do policial.
– O 37º BPM lamenta a morte do 2º Sargento Alexandre Balbino Silva, ocorrida na madrugada desta quarta-feira, durante um ataque criminoso na Rodovia Presidente Dutra.
O 2º sargento Balbino tinha 44 anos e estava na Corporação desde 2001. O Policial deixa esposa e um filho. Ainda não temos informações sobre o sepultamento que será realizado no Cemitério Portal da Saudade, em Volta Redonda – dizia o comunicado.

Balbino morava em Volta Redonda, por isso o velório em enterro vai acontecer na cidade. O caso será investigado pela delegacia de Resende (89ª DP).

Veja o Vídeo:


Comentários via Redes Sociais ou no portal:

(O Sul Fluminense Online não se responsabiliza por comentários na matéria).

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.