Atualizado às 17h39min.


Volta Redonda

Inaugurou nessa quinta-feira (11), a exposição “Flores de Aço”, no Espaço das Artes Zélia Arbex, na Vila Santa Cecília, em Volta Redonda. Um projeto da Secretaria municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos, da prefeitura de Volta Redonda. A exposição é formada por três mil cartas escritas por mulheres da cidade. Cada mulher receberá, até o fim da exposição, um pingente com a flor de aço, símbolo do projeto.

O que foi escrito Projeto Cartas se transformou em uma “rede” de histórias contadas por elas. Com o tema ‘É o que eu penso. É o que eu vivo’, as mulheres contaram suas experiências. Cerca de mil pessoas foram prestigiar a inauguração da exposição, que vai até 31 de agosto.

(JEAN ALVES)

O coral da Academia da Vida Oscar Cardoso se apresentou na abertura da exposição. Participaram da cerimônia o vice-prefeito, Maycon Abrantes, a secretária municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos, Dayse Pena; o vereador, Paulinho do Raio X (PMDB); entre outras autoridades do poder público municipal.

A engenheira, Alcione Gonçalves, disse que o projeto é uma forma de resgatar e valorizar a mulher. “Fico muito feliz em poder ver esse trabalho. No passado, as mulheres tinham outro papel na sociedade. Hoje vejo que nós somos muito mais importantes e, muitas vezes, fundamentais na sociedade que vivemos. Acredito que ter a oportunidade de contar um do que penso e o que vivo, como diz o tema, é mágico. Sem falar no resultado dessa exposição… linda”, disse emocionada ao afirmar que também vai deixar sua carta para receber o pingente.

(JEAN ALVES)

E empresária e apoiadora do projeto, Josiane Lopes, coordenadora do ITEC e diretora do Pólo Unicesumar, na região, disse que foi um privilégio poder contribuir para que esses sonhos, desejos e dificuldades fossem colocados no papel. “Para mim, como mulher e nossa instituição, foi maravilhoso poder participar. Somos uma empresa voltada para a educação e o ensino. Por isso acreditamos nas pessoas e trabalhamos para que elas possam encontrar o melhor caminho na vida. Participar disso, creio eu, foi a melhor forma de ajudar a dar voz a elas. Pois são elas as que mais precisam dizer o que sentem. Seus medos, sonhos, dificuldades e o que elas esperam para o futuro”, frisou.

O empresário do ramo de saúde, Clodoaldo Moren, ficou encantado com a forma com que foi feito o projeto. “Estão todos de parabéns. Fiquei muito feliz e surpreso com que vi aqui. A mulher é hoje o que move qualquer sociedade. Valorizar e homenagear elas, é uma oportunidade fantástica. Eu que sou do ramo de saúde vejo que essa é uma excelente forma de promover saúde é entender o que elas precisam”, destacou o empresário.

Paulinho do Raio X (PMDB) conversa com o empresário Clodoaldo Moren durante a exposição. (JEAN ALVES)