Atualizado às 20h50min.

TRÊS RIOS
O 38° Batalhão da PM realizou na sexta-feira (08), em Paraíba do Sul a Operação “Todos por Um”, trabalho realizado de forma conjunta pelas polícias civil e militar (107 DP, 2a Cia e Serviço Reservado do 38º BPM). A ação, que contou com o apoio da PolLívia Rodoviária Federal (PRF). A ação é o resultado de uma investigação de grupo criminoso, que segundo a polícia atua no bairro Eldorado. O mesmo grupo estaria planejando cometer homicídios e estabelecer o domínio de uma facção na localidade.
Os investigadores também descobriram que elemento conhecido como “Boliviano” havia sido enviado de Resende para Paraíba do Sul, com o objetivo de comandar as ações do grupo criminoso, segundo a polícia.
Durante a operação, cinco pessoas foram presas e quatro adolescentes foram apreendidos. Um drone foi utilizado para monitorar eventuais fugas de criminosos durante as buscas. Entre os detidos está Eliano de Oliveira da Silva Júnior, de 19 anos, conhecido como “Boliviano”, que estava foragido da justiça e também foi preso em flagrante por tráfico de drogas. Comparsas conhecidos como “VT branco”, “Dioninha” e “Corvo” também foram detidos com mandados de prisão temporárias por suspeita de integrar o grupo investigado.
Na casa do suspeito de ser um dos lideres do grupo investigado, foram encontrados e apreendidos 12 mil reais em dinheiro, um veículo Golf, dois mil pinos para embalar drogas e um caderno com contabilidade do tráfico.
A operação contou com o uso de drones para tentar prever tentativas de fuga de suspeitos.
A Delegada Cláudia Abbud, titular da 107ª DP (Paraíba do Sul) disse que as prisões são importantes para evitar que mais homicídios relacionado a guerra entre facções e grupos rivais aconteça na cidade. “A operação foi fruto de um minucioso trabalho integrado de inteligência das policiais civil e militar, e contou com total empenho dos Promotores de Justiça e Juízes de Direito da Comarca de Paraíba do Sul para que tudo ocorresse de forma célere e os resultados fossem alcançados”.
Cerca de 50 policiais e agentes participaram das buscas. Mais 17 viaturas foram utilizadas nas ações de buscas e cumprimentos de mandados de prisão.
O comandante do 38º BPM, tenente-coronel Alex Soliva, destacou a importância das prisões realizadas nessa ação. “A grande intenção é trazer a tranquilidade para a sociedade e que a criminalidade tenha conhecimento pleno de que não terão paz e, de forma alguma, permitiremos que qualquer facção criminosa se instale em nossa região”, disparou o comandante. (Foto: Divulgação).
Cerca de 50 policiais participaram das buscas pelos suspeitos com 17 viaturas e drone.