Atualizado às 22h34min.

VOLTA REDONDA 
Uma das melhores e mais tradicionais bandas de Rock do país, foi a atração de um dos maiores réveillons do interior do Estado do Rio. Segundo estimativas da Guarda Municipal, cerca de 70 mil pessoas receberam o novo ano, ao som dos Titãs, que durante quase duas horas, encantou o público.
Saímos de Paraty, onde também há boas opções de festas, para estar aqui hoje assistindo a este show maravilhoso. Estamos eu, meu marido e meus dois filhos. Todos somos fãs dos Titãs e não poderíamos perder. Parabéns Volta Redonda pela linda festa – ressaltou Ana Clara, Advogada que veio a Volta Redonda receber 2019.
Um pouco antes dos Titãs assumirem o palco, houve cerca de 12 minutos de queima de fogos colorindo o céu de Volta Redonda. “Muito lindo essa queima de fogos. Já passei Réveillon em Angra e em Niterói, e esse aqui desse ano em Volta Redonda, arrebentou de tão bonito. Amei”, comentou a professora Ângela Salgado, moradora do bairro Roma.
Pelo segundo ano, a prefeitura realizou também a cascata de fogos com 70 metros de queda livre, cobrindo toda a fachada do  Edifício do Escritório Central da CSN. “Eu me lembro que havia, muito tempo atrás, uma cascata dessas no hotel Meridian.  Hoje é Volta Redonda, que proporciona essa maravilha de espetáculo. Parabéns ao prefeito e aos envolvidos na organização, por nos dar esse lindo presente”, agradeceu Carlos Henrique de 46 anos, morador de Resende.
A secretária municipal de Cultura, Aline Ribeiro, explicou que o projeto orientado pelo prefeito Samuca Silva, proporcionou um espetáculo com uma estrutura ainda melhor que 2017, a um custo menor para o poder público.
Essa redução dos gastos públicos foi possível graças ao edital de captação de recursos de vários parceiros privados. Com isso, reforçamos  a segurança, dobramos os serviços médicos, ampliamos a praça de alimentação, melhorando o atendimento ao público – explicou.

Estiveram na segurança da festa 45 homens da Guarda Municipal e 10 viaturas. Da Polícia Militar foram 78 agentes durante todo dia. Além de 14 viaturas e 09 motos patrulha. A prefeitura ainda contratou 30 seguranças privados. Ainda teve a novidade dos quiosque que foram instalados na rua do evento. A ideia da prefeitura era dar mais comodidade aos participantes.
O prefeito Samuca Silva comentou que o objetivo da Festa de reveillon foi alcançado, ressaltando o turismo cultural com a presença de milhares de pessoas de várias cidades.
– Além de proporcionar o Lazer à população de Volta Redonda, esses milhares de pessoas que para cá vieram, ocuparam os hotéis da cidade, consumiram nos restaurantes e movimentaram a nossa economia. Nesse segundo ano com as mudanças que realizamos na festa do Réveillon, já estamos virando referência para o Estado do Rio e isso é positivo para todos – comentou.
Os integrantes do Titãs, Branco Mello, Sérgio Brito, Tony Belloto, Beto Lee e Mário Fabre, por várias vezes, agradeceram pela festa na Cidade do Aço. “Muito obrigado Volta Redonda, por nos convidar para participar deste momento especial”.
É importante fazer um evento deste com tamanha qualidade, porque a gente precisa de lazer e cultura musical para formar o cidadão mais consciente”, disse o cadeirante Thiago Lopes da Silva, 36 anos, gerente logístico e músico. (Fotos: Gabriel Borges).