Atualizado às 23h03min.


BARRA MANSA

A obra do espaço gastronômico na Avenida Presidente Getúlio Vargas (Beira Rio), no Centro de Barra Mansa-RJ, sofreu mais uma vez com ataques de vândalos. Criminosos atacaram o local na madrugada de sexta-feira (19) para sábado (20), e furtaram cerca de 600 metros de cabos elétricos e globos de luminárias. A baderna não parou aí, eles picharam e destruíram parte do local. A ocorrência foi registrada na 90ª DP e está sob investigação. Em dezembro, o local já havia sido atacado duas vezes.

Entre os itens furtados estão cerca de 300 metros de cabos elétricos 10mm e 300 metros de cabos 6mm, no valor de R$ 2.400,00, e globos de luminárias. O local também foi pichado, quebraram bancos de madeira e palmeiras. Alguns blocos de cimentos também foram jogados no Rio Paraíba do Sul.

O prejuízo total, segundo a prefeitura, está em torno dos R$ 15 mil. O artigo 163 da Lei nº 2.848/40 diz que destruir, inutilizar ou deteriorar patrimônio público pode gerar  de um a 06 (seis) meses de detenção, ou multa. A polícia vai tentar encontrar imagens de câmeras de segurança de prédios ao redor do local, para ajudar na investigação.

(DIVULGAÇÃO)

Segundo o Chefe de Elétrica da SUSESP (Superintendência de Obras e Serviços Públicos de Barra Mansa), Tiago Vinicius de Andrade, foi feito um pedido de levantamento das câmeras de segurança do CESP (Centro Estratégico de Segurança Pública) para análise das imagens das ruas próximas ao local.

Essa foi a terceira vez que a obra do espaço gastronômico, ainda não inaugurado, foi atacado por vândalos e ladrões. Em dezembro, um poste em madeira para sustentação da grade que estava sendo fixada no local foi danificado e cerca de 60 metros de cabos elétricos também foram furtados.

Praça recém inaugurada sofre com vandalismo

A Praça Ponce de Leon, mais conhecida como Praça da Matriz, em Barra Mansa passou por uma grande reforma e foi reinaugurada no dia 13 de janeiro, mesmo assim o local vem sofrendo constantes ataques de vândalos. Segundo testemunhas, nos últimos dias algumas pessoas foram vistas raspando as juntas das pedras de granito para jogá-las no chão.

Para conter a ação dos vândalos, estão sendo instalados a partir desta segunda-feira (22), parafusos para segurar as pedras de granito no concreto de forma a evitar vandalismo e furto.