Atualizado às 20h16min.


VOLTA REDONDA

“Pra não dizer que não falei das flores”, esse é título do samba enredo de 2018 do Bloco da Vida, lançado oficialmente na tarde desta quinta-feira (18), na Ilha São João. O samba, que vai tratar das flores e as relações que a sociedade tem com elas, promete animar a  todos na avenida. A importância das flores é retratada nos carros alegóricos que vão contar com floristas e com um dos maiores comunicadores do Brasil, Chacrinha, que usava e abusavas das flores. O maior bloco da terceira idade do país vai encerrar as festividades de Carnaval em Volta Redonda-RJ.

Esse ano o bloco vai desfilar com mais de 600 idosos, 50 destaques e oito modelos de fantasias com diversos tipos de flores: flores de lotus, rosas, flores de lis, fores do campo, girassóis e cravos.

Para o compositor do samba enredo, João Felipe Bicalho, as flores tem uma grande representatividade na vida das pessoas. “Quando nascemos temos flores, quando morremos temos flores. A flor tem várias funcionalidades dentro da nossa vida. O seu cheiro nos remete a coisas e lembranças. Todas as cerimônias têm a presença das flores. Esse samba enredo foi feito com uma comissão e foi concretizado aqui dentro do bloco”, enfatizou.

(GERALDO GONÇALVES)

A aposentada Aparecida Duarte, conhecida como Cidinha, diz que o a expectativa para o desfile é grande. Ela faz parte há dez anos da bateria do bloco. “Eu amo e adoro participar e estar presente nesse bloco. Achei o samba enredo muito bom, esperamos que esse ano o desfile seja ainda melhor. É uma emoção entrar na avenida, você fica com o corpo anestesiado e esquece até das dores”, disse emocionada.

Veja a letra:

Pra não dizer que não falei das flores

Oh luz! Oh luz da criação

Iluminai a passarela

Pra Terceira Idade desfilar

Nesse enredo que exala a poesia

As borboletas vão surgindo com um tom celestial

Colorindo apareceram as margaridas

Oh mãe natureza! É estação das flores!

Grande beleza que maneja o meu olhar

Vou colher flores do campo pra cerimônia enfeitar

*

Meu beija-flor, meu bem querer

Sou a flor mais linda desse jardim

Vem me beijar, vem me afogar

Um dia posso não estar aqui

 *

Tudo é natural

Tara de bromélias por um girassol

A rosa apaixonada pelo cravo

Seu eterno escravo no jogo da sedução

Brasil, oh meu Brasil! Tu és a flora ocidental

Inspiração de artistas no cenário mundial

Tem Carmem Miranda e Chacrinha

A aquarela brasileira hoje é aqui

*

Vou me banhar de água de cheiro

Nesta avenida e vou purificar

Pra não dizer que não falei das flores

Bloco da Vida vem te homenagear