Atualizado às 17h18min.


VOLTA REDONDA

O presidente da Câmara Municipal de Volta Redonda-RJ, Sidney Dinho (PEN) recebeu, na tarde dessa quinta-feira (30) a secretária de Políticas para as Mulheres, Idosos e Direitos Humanos (SMIDH), Dayse Penna, na CMVR, para falar do trabalho que a secretaria vem desenvolvendo ao longo dos quatro meses em que a nova pasta foi instituída.

A conversa durou cerca de uma hora. A secretária falou dos projetos e do que já foi realizado até agora. Entre as ações, Dayse destacou o projeto Flores de Aço. A exposição de três mil cartas foi um sucesso, segundo a secretária. A ideia é que se chegue a 14 mil cartas e que a exposição vá até o Rio de Janeiro e Brasília. Segundo ela, Volta Redonda tem mais de 50% da população é de mulheres, cerca de 140 mil. Por isso a importância de valorizar e acolher bem em todos os setores do serviço público.

Outra iniciativa da secretaria é o projeto “Desconstruindo o Machismo”. Dayse explicou ao presidente que dentro dos casos de violência registrados na cidade, faltava um acompanhamento também do suposto agressor. Um profissional homem irá fazer o atendimento do outro lado dos casos. “Se a gente não entender os dois lados de uma questão fica mais difícil se resolver e diminuir os impactos negativos de uma violência. E isso facilita muito o processo de recuperação”, explicou a secretária.

A secretária aproveitou a visita para convidar Dinho para o Seminário Diálogo: “Igualdade e Tolerância para a Atualidade”, a ser realizado no próximo dia 07 de dezembro, às 7h30min, no UGB (Centro Universitário Geraldo Di Biase, na Rua Deputado Geraldo Di Biase, nº 81, no bairro Aterrado.

O presidente parabenizou a secretária e disse que ela tem total apoio do poder legislativo e que estará no evento. “É premissa constitucional que o interesse público esteja acima do particular. Fiquei muito feliz com tudo que vi ouvi da Dayse e vejo nela a vontade de fazer algo novo e diferente. Ela tem seguido em passos firmes a frente da secretaria. A imparcialidade e impessoalidade são fundamentais na administração pública e creio que ela está seguindo esse caminho. Não é fácil, mas estamos juntos e apoiando as iniciativas da secretaria”, frisou Dinho.